Seca faz 47 cidades baianas cancelarem ou reduzirem São João

 A pior seca dos últimos 30 anos fez 47 cidades alterarem ou cancelarem o calendário das festas de São João, segundo a União dos Municípios da Bahia (UPB). Entre os municípios que realizarão modificações nos festejos, estão Senhor do Bonfim e Amargosa, que diminuíram os dias de festa. De acordo com o presidente da UPB, Luiz Caetano (PT), cidades não afetadas pela estiagem também devem cortar dias de festas. Prefeito de Camaçari, ele argumentou que a medida é uma forma de “dar exemplo e demonstrar solidariedade”. No município administrado pelo petista, a festa terá três dias, e não quatro, como era previsto anteriormente. Caetano informou que seguirá a determinação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), que recomendou cortes nos gastos das cidades atingidas pela seca. Já a Secretaria Estadual do Turismo (Setur) reduziu o investimento nos festejos dos municípios baianos em 20%. Este ano, o valor investido será de R$ 8 milhões e deverá ser distribuído entre 106 cidades. 

 

Comentários

    Não há comentário

Comentar

REVISTA DIGITAL

revistaCG

TV CARO GESTOR

TVCG