Projeto Vida Melhor capacita agricultoras no sul da Bahia

 Um grupo de 41 mulheres das comunidades rurais dos municípios de Arataca, Buararema, Uruçuca, Pau Brasil, Itabuna e Ibicaraí, no Sul da Bahia, viajou mais de 600 quilômetros até o município de Souto Soares, na região da Chapada Diamantina, para conhecer experiências bem-sucedidas de projetos de cozinhas comunitárias que vêm sendo desenvolvidos em distritos como Mundo Novo e Pocinho.

A visita foi organizada por técnicos da CAR (Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional), empresa da Secretaria de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir), no âmbito do programa estadual Vida Melhor, e teve a participação de representantes da EBDA (Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola).
 
O objetivo é fomentar ações de desenvolvimento regional e combate à pobreza rural em comunidades rurais que ainda não tiveram a oportunidade de desenvolver atividades que possam se constituir em alternativas para a geração de renda e comercialização da produção local.
 
O ônibus “Circuladô de Mulé” Intersubjetividades em Trânsito/Vida Melhor – é uma iniciativa da CAR, com enfoque de gênero, que surgiu da necessidade de mostrar às comunidades o modo como podem evoluir e trabalhar suas potencialidades, tendo como base projetos já apoiados pela empresa, por meio das associações comunitárias, e que têm conseguido se consolidar.

Comentários

    Não há comentário

Comentar