Dilma autoriza emprego das Forças Armadas na Ba durante greve da PM

 Depois do anúncio dagreve dos policiais e bombeiros militares da Bahia, nesta terça-feira (15), a presidente Dilma Rousseff assinou o decreto de  Garantia da Lei e Ordem para a Bahia, que autoriza o emprego das Forças Armadas na garantia da segurança pública no Estado.

A previsão de que a primeira leva de efetivos federais, que já começou a chegar no início da tarde desta quarta-feira (16), em Salvador, conte com cerca de 5 mil homens. O pedido pelo decreto foi realizado pelo governador Jaques Wagner na terça-feira (15), logo após o anúncio da greve.

Com a assinatura do decreto, os militares ficam autorizados a realizar patrulha, vistoria e prisão em flagrante. Segundo a Secretaria de Comunicação do Estado da Bahia (Secom-BA), a Polícia do Exército (PE) já está patrulhando as ruas. O comando das operações ficou por conta do  comandante da 6ª Região Militar, general Racine Bezerra Lima.

Na ocasião, o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, pediu para que a população “toque suas vidas” e não deixem de ir trabalhar ou estudar. “Não é momento de criarmos pânico. A sensação de insegurança só prejudica o processo. Estamos lutando para restabelecer o trabalho das forças de segurança”.

Comentários

    Não há comentário

Comentar